Busque sua Cidade
 
Inicial
 
Seções
A01 - Est. Turísticas
A02 - Est. Balneárias
A03 - Est. Climáticas
A04 - Est. Hidrominerais
C01 - Bauru
C02 - Campinas
C03 - Itapetininga
C04 - Mogi das Cruzes
C05 - Presidente Prudente
C06 - Ribeirão Preto
C07 - Santos
C08 - São Carlos
C09 - São José do Rio Preto
C10 - São José dos Campos
C12 - Sorocaba
C13 - Taubaté
D - MÚSICAS
E - BLOG DO JOÃO
 
Portal
Quem Somos
Como Anunciar
Fale Conosco
Enviar E-mail
 
Marília

Marília é um município brasileiro do estado de São Paulo. Fica distante da capital do estado 443 km por rodovia; 529 km por ferrovia e 376 km em linha reta.

É a 13ª maior cidade do interior paulista em número de habitantes.

Geografia

Localiza-se a uma latitude de 22º12'50" sul e a uma longitude  de 49º56'45" oeste, estando a uma altitude de 675 metros. Sua população estimada pelo IBGE em 2009 era de 225.938 habitantes

O município de Marília está em toda sua extensão situado sobre o ramo ocidental da serra dos Agudos que o atravessa de leste a oeste. Os contrafortes dessa serra terminam geralmente em paredões de grés revestidos de vegetação. Dentro do município recebe algumas denominações especiais: Serra de Avencas, Serra de Cincinatina (onde fica o Morro Redondo); Serra do Tiveron; Serra do Scomparim : Serra do Macuco e Serra de Casa Grande.

Clima

O clima do município é tropical de altitude com as seguintes características:

* Temperatura média anual:20°C

* Mês mais quente janeiro:25,7°C

* Mês mais frio junho:15,2°C

* Máxima absoluta:39,4°C

* Mínima absoluta:-3,6°C

Demografia

Dados do Censo - 2000

* Urbana: 189.719

* Rural: 7.623

* Homens: 96.502

* Mulheres: 100.840

* Densidade demográfica (hab./km²): 186,42 (2007)

* Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 15,57

* Expectativa de vida (anos): 74,37

* Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 2,21

* Taxa de Alfabetização: 95,35%

* Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,821

* IDH-R Renda: 0,885

* IDH-L Longevidade: 0,822

* IDH-E Educação: 0,962

Distritos de Marília - População

* Amadeu Amaral: 147

* Avencas: 635

* Dirceu: 122

* Lácio: 959

* Padre Nóbrega: 4.004

* Rosália: 2.200

Municípios limítrofes:

Norte: Getulina, Guaimbê, Júlio Mesquita;

Leste: Álvaro de Carvalho, Vera Cruz, Ocauçu;

Sul: Campos Novos Paulista;

Oeste: Echaporã, Oriente e Pompéia.

Dados sócio-econômicos

IDH                           0,821 elevado PNUD/2000

PIB                           R$ 2.811.838 mil IBGE/2007

PIB per capita            R$ 12.892,00 IBGE/2007

Distância até a capital:

443 km

Rodovias:

* BR-153 - Rodovia Transbrasiliana

* SP-294 - Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros

* SP-333 - Rodovia Rachid Rayes

Historia

Em 1923, Antônio Pereira da Silva e seu filho José Pereira da Silva foram os pioneiros da região, desbravaram terras próximas aos rios Feio e Peixe cujo nome dado foi Alto Cafezal.

Um deputado da época, Sr. Bento de Abreu Sampaio Vidal, originário de São Carlos e Araraquara, em 1926, procede o loteamento de seu patrimônio.

Villa Barbosa: palacete de residência das famílias Almeida e Nogueira, proprietários da Fazenda Bomfim. 1929.

José da Silva Nogueira (Cel. José Brás), 1º vice-presidente da Camara de Marília.1929

Cel. José Brás (José da Silva Nogueira), origem familiar de Itapetininga SP, em 1927, faz sua "entrada" em Marília. Os Nogueira tinham cerca de 40% das terras da fazenda Bomfim. Suas faixas de terras foram loteadas e principiou o processo civilizatório de Marília, antigamente espigão do Alto Cafezal. Hoje, onde temos a Rua Cel. Galdino de Almeida, Av. Rio Branco e Cel. José Brás (José da Silva Nogueira) passando pela vila Barbosa até as universidades (Univem, Unesp e Unimar) eram terras desbravadas pelos Nogueira e Almeida. Descendentes dos antigos Nogueira ainda continuam residindo em Marília.

A Companhia Paulista de Estradas de Ferro vinha avançando seus trilhos de Piratininga até chegar a Lácio; e de acordo com o esquema dessa companhia, as estradas que iam sendo inauguradas no ramal, eram denominadas por ordem alfabética; sendo que o próximo ramal deveria ter seu nome começado pela letra "M". Foram propostos vários nomes, como "Marathona", 'Mogúncio" e "Macau", mas Bento de Abreu não ficou satisfeito com nenhum desses; em uma de sua viagens de navio à Europa leu o livro de Tomás Antônio Gonzaga "Marília de Dirceu", de onde tirou o nome de Marília.

A cidade de Marília, com essa denominação foi criada pela Lei Estadual nº 2161, em 22 de dezembro de 1926, ainda como um distrito de Cafelândia. Em 1928 é elevada a categoria de município, por Lei Estadual nº 2320, de 24 de dezembro de 1928. Sendo que sua instalação oficial deu-se a 4 de abril de 1929, data em que é comemorado seu aniversário. É, por isso, um município relativamente novo.

Estátua de Bento de Abreu Sampaio Vidal, um dos fundadores de Marília

No início a economia de Marília era baseada no cultivo de café que com o tempo foi sendo substituído pelo algodão. Graças ao algodão, em 1934 e 1935 foram instaladas as duas primeiras indústrias no município (duas fábricas de óleo). Com a expansão da industrialização ao interior paulista, houve um aumento da malha ferroviária e rodiária, com isso Marília ligou-se a várias regiões do estado de São Paulo e ao norte do Paraná.

Prédios do CDHU "Paulo Lúcio Nogueira", jurista. Zona Sul.

Na década de 1940 o município se firmou como pólo de desenvolvimento do Oeste Paulista, quando se verificou um grande crescimento urbano e populacional.

Na década de 70, houve um novo ciclo industrial no município com a instalação de novas indústrias, pricipalmente na área alimentícia e metalúrgica. Com a posterior instalação de vários cursos universitários, Marília pode atrair vários jovens a região o que ajudou no desenvolvimento do comércio do município.

Hoje Marília conta com aproximadamente 50 indústrias na área alimentícia sendo conhecida como "Capital Nacional do Alimento".

Em 22 de março de 2005, o prefeito Mário Bulgarelli sanciona a lei nº 6230[5] que institui que a bandeira Municipal tem de ser terciada em vertical com partes idênticas, duas laterais em azul (não mais em vermelho) com a tira central na cor branca onde é aplicada o Brasão de Armas do Município no seu exato meio. A antiga bandeira era de 1978. A bandeira vermelha (cor original) simbolizava o café, sempre presente na história do município; já a cor azul tem origem incerta (especuladores dizem ter mudado a cor de vermelho para azul para parecer com a bandeira do MAC – Marília Atlético Clube. Outros dizem que o azul é a cor da logo da administração do "ex-prefeito" Camarinha) [carece de fontes?]

Em 2010, por imposição da justiça, a bandeira da cidade retornou à sua aparência original. Sai o azul das faixas laterais para o retorno do vermelho.[6]

Atualmente o Município de Marília é composto dos Distritos de Marília, Amadeu Amaral, Avencas, Dirceu, Lácio, Padre Nóbrega e Rosália.

Aniversario da cidade, 4 de abril

Ano de fundação, 1929

Gentílico, Mariliense

Educação

O município é um centro regional de ensino superior com excelência na área de Medicina com a FAMEMA, contando também com outras univeridades e faculdades. O ensino técnico e tecnológico do município também tem grande destaque. Assim as instituições de ensino de Marília atraem todos os anos milhares de estudantes de diversas partes do país.

Ensino superior

Universidades e faculdades públicas

* Faculdade de Medicina de Marília (FAMEMA)

* Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP)

* Faculdade de Tecnologia (FATEC)

Universidades e faculdades particulares

* Universidade de Marília (UNIMAR)

* Fundação de Ensino Eurípedes Soares da Rocha (UNIVEM)

* Faculdade João Paulo II (FAJOPA)

* Faculdade de Ensino Superior do Interior Paulista (FAIP)

Administração

prefeito :   JOSÉ TICIANO DIAS TOFFOLI

Economia

A economia da cidade se baseia em varios setores, mas o principais são, agroindústria, pecuária, indústria.

Maríla destaca-se no segmento industrial com a produção de alimentos, abrigando empresas de grande porte como: Marilan: Indústria e comércio de biscoitos Xereta, Dori produtos alimentício, Bel produtos alimentício, Sasazaki e outras.

O fato de ser uma cidade universitaria influi diretamente na economia.

Turismo

Bosque Municipal

Mini-zoo, playgrouds e ampla área verde.

Av. Brigadeiro Eduardo Gomes, s/n

Horário: diariamente das 6:00h às 18:00.

Serra de Avencas

Um distrito de Marília, distante 5 Km do centro da cidade onde no caminho o turista vai encontrar belas paisagens, como a da Fazenda Flor Roxa onde os vales e campos enchem os olhos do visitante. Na estrada está a Serra de Avencas, um monumento natural com cerca de 15 metros de altura formado por estratificacões rochosas muito interessantes. É ainda neste local que os adeptos de esportes mais radicais podem escalar suas paredes. A cidade conta com uma escola de alpinismo, a Sexto Grau.

Torre de Pedra

Fica em Nova Columbia, estrada Marilia-Ourinhos, 2 km antes do trevo que demanda a Lupércio, com entrada à direita, mais 8 km em média. Trata-se de um monólito muito interessante pela sua formação rochosa que assemelha-se em muito com uma torre, destacando-se entre a mata que o rodeia, tal qual um dedo apontando para o céu. O local é de fácil acesso, permite-se visitas, ainda que não esteja preparado para grande fluxo de turistas.

Basilica de São Bento

A Catedral de São Bento possui arquitetura Colonial e a decoração Clássica lembram o estilo de uma igreja medieval, transportando os visitantes no tempo e espaço.

Av. Nelson Spielmann, 439

Igreja "Shinshu Hongaji"

Possui um belíssimo altar folheado a ouro; veio do Japão.

Rua 24 de dezembro, 1587

Igreja Budista "Hompa Honganji Kiokai"

Tem a Finalidade de praticar atividades religiosas e festivais folclóricos.

Rua José de Anchieta,531

Igreja Nossa Senhora da Gloria

A Igreja Nª Sra. da Glória possui uma arquitetura moderna contrastando com vitrais que relatam a vida de Cristo nosso Senhor.

Av. Sampaio Vidal x Rua Bandeirantes

Igreja Tenrikio

Instalada por Sumi Nozaki, uma imigrante de Kyoto.

A igreja possui instrumentos musicais raros como: Shamissen "Koto Kikio" e "Tsutsumi", além de vestiários típicos considerados de grande valor religioso.

No templo possui um Buda de Ouro

Situado a Rua Borba Gato, 48.

Matriz de Santo Antonio

A Igreja Matriz de Santo Antônio é uma grandiosa construção que possui três torres, refletindo toda a beleza da cidade de Marília. Foi erguida dando sucessão a primeira capela da cidade

Av. Santo Antonio

Museu Historico e Pedagogico Municipal

Possui acervo de documento e objetos históricos da cidade.

Av. Sampaio Vidal, 245

Alpinismo

Fica em Nova Columbia, estrada Marilia-Ourinhos, 2 km antes do trevo que demanda a Lupércio, com entrada à direita, mais 8 km em média. Trata-se de um monolito muito interessante pela sua formação rochosa que assemelha-se em muito com uma torre, destacando-se entre a mata que o rodeia, tal qual um dedo apontando para o céu. O local é de fácil acesso, permite-se visitas, ainda que não esteja preparado para grande fluxo de turistas.

Fazenda Floresta Agro Turismo

Agro-Turismo", um novo conceito em turismo. Fazenda cafeeira aberta para passeios com várias atrações :

Local para pic-nics; Trilhas ecológicas; Cachoeiras e piscinas naturais; Pesque-Pag, onde se pode pescar Pacús, Bagres, Tilápias, Piauçus e Carpas; Passeio pela fazenda com Jardineira;

Café da tarde com quitutes típicos;

Rodovia SP331 Km.205,5

(Na estrada Marília-Ourinhos (BR153), pegar a saída para Lupércio no Km.278)

Matarazzo - Prédio histórico tombado

As antigas instalações da indústria Matarazzo ainda conservam uma parte da sua bonita arquitetura na cidade. Localizada na Av. Castro Alves, chamam a atenção do visitante a imponente chaminé e o portão com a identificação da empresa que foram tombados pelo CONDEFAT.

Parque Lazer - Condema - Prefeitura Municipal

Av. Sampaio Vidal, 245

Calendário de Eventos

Buraco Louco / Festival de Rock - Data: Janeiro

Fancanela / Festa à Fantasia Data: Janeiro

Jesus Fest Data: Fevereiro

Festival de Monólogos Data: Abril

Encontro de Canto Coral Data: Maio

Undó Raí Data: Maio

Encontro de Dança Data: Junho

Festa Junina Data: Junho

Festival de Bon Odori Data: Setembro

Recreança Data: Outubro

Festival de Teatro Amador Data: Outubro

Baile do Caribe Data: Novembro

Festa da Melancia Data: Novembro

Natal Iluminado Data: Novembro / Dezembro

Fontes

http://www.ferias.tur.br/informacoes/9348/marilia-sp.html

http://pt.wikipedia.org/wiki/Mar%C3%ADlia

http://citybrazil.uol.com.br/sp/marilia/onde-comer/restaurantes-churrascarias/2

http://www.nossosaopaulo.com.br/Reg_04/Reg04_Marilia.htm

Site da cidade

http://www.marilia.sp.gov.br

 
MAIS SOBRE Marília:
 
Deixe seu Comentário
 
 
COMETÁRIOS SOBRE Marília:
 
15/05

vou conhecer esta linda cidade, ouvi muito fala. parabens

Enviado por Andressa às 10h30
20/10

Morreu na cidade de O com Sul região de MARILIA SERIA POSSIVEL E VIAR IMAGEM ATUAIS DA CIDADE PPOIS TENJO MUITAS LEMBRANÇAS DESSE LUGAR DESDE SOU LHES GRATA PELA ATENÇÃO ESTOU AGUAGUARDANDO.

Enviado por ODAIR CAVERNAGHE HIMENES às 06h33
02/12

Por favor alguém sabe o telefone da trilha dai de oriente envie pra min por favor email-denisesantos 2707@gemail .com

Enviado por denise às 19h52
10/11

Esta ficando muito preocupante o problema com o confinamento de bois, incrivelmente no perímetro urbano, a emissão de substâncias odoríferas, é exagerada, autoridades, mãos as obras

Enviado por -Ademir às 11h43
06/08

Fui o responsável pela restauração do relógio Michelini da década de 1940, instalado no alto da torre da Catedral Basilica São Bento em Marília/SP. Este relógio faz parte da história da cidade. Jaime Prado - Bauru/SP.

Enviado por Jaime Prado às 08h20
03/07

Esta escola de alpinismo Sexto Grau não existe.

Enviado por Lara Conti às 11h05
01/01

Voces precisam corrigir as informações deste site Pois Marilia sp nao é região de Bauru e sim tem sua regiso politico administrativa propria comprem um mspa nessas condicoes e façam as atualizacoes. Nos demais PARABENS

 

SPCIDADES:

Obrigado pela sugestão.

Esclarecemos que optamos por seguir a divisão por agrupamento de cidades que têm o mesmo sinal das emissoras da Rede Globo por uma questão de padronização de informações.

Enviado por Rodrigo Costa às 02h25
19/07

oi, boa tarde! estou para viajar para Marilia e eu moro no espirito santo, (guarapari). E gostaria de saber quantos quilometros é de guarapari ES para Marilia?

 

SPCIDADES:

GUARAPARI/ES A MARILIA/SP - DISTANCIA 1.330 KM - PELA BR 101 - 14h43min.

+ informação: https://maps.google.com.br/

Enviado por sara barbosa às 18h12
12/03

estou em nova granada sp e quero ajuda para chegar até marilia sp

Enviado por anonimo às 12h03
28/02

marilia MORO VIVI NAO GOSTO DE VOCE AGORA MAS SIM DO QUE VOCE ERA ANTES MARILIA GOSTO DE VOCE E TE ODEIO

Enviado por ANGELA ferreira LIMA às 09h10
 
Seções: A01 - Est. Turísticas | A02 - Est. Balneárias | A03 - Est. Climáticas | A04 - Est. Hidrominerais | C01 - Bauru | C02 - Campinas | C03 - Itapetininga | C04 - Mogi das Cruzes | C05 - Presidente Prudente | C06 - Ribeirão Preto | C07 - Santos | C08 - São Carlos | C09 - São José do Rio Preto | C10 - São José dos Campos | C12 - Sorocaba | C13 - Taubaté | D - MÚSICAS | E - BLOG DO JOÃO |
Portal: Inicial | Quem Somos | Como Anunciar | Fale Conosco | Enviar Email |

© Interior SP - Cidades. Todos os Direitos Reservados.

Desenvolvimento: UPWEB Internet Solutions