Busque sua Cidade
 
Inicial
 
Seções
A01 - Est. Turísticas
A02 - Est. Balneárias
A03 - Est. Climáticas
A04 - Est. Hidrominerais
C01 - Bauru
C02 - Campinas
C03 - Itapetininga
C04 - Mogi das Cruzes
C05 - Presidente Prudente
C06 - Ribeirão Preto
C07 - Santos
C08 - São Carlos
C09 - São José do Rio Preto
C10 - São José dos Campos
C12 - Sorocaba
C13 - Taubaté
D - MÚSICAS
E - BLOG DO JOÃO
 
Portal
Quem Somos
Como Anunciar
Fale Conosco
Enviar E-mail
 
São Roque

Geografia

Possui uma área de 308,35 km².

Está situada a cerca de 55 quilômetros da capital do estado.

Clima

O clima de São Roque é o subtropical Cwa, segundo a classificação climática de Köppen,com média no mês mais quente, fevereiro, de 23,1°C e média no mês mais frio, julho, de 15,5 e a média de precipitação anual é de 1352mm, geadas ocorrem em praticamente todos os invernos, em julho de 2000, São Roque registrou uma temperatura de -3°C, segundo o governo do estado de São Paulo.

Hidrografia

Rio Aracaí

Rio Carambeí

Rio Guaçu

Transporte público

A Viação São Roque é a empresa que opera as linhas de ônibus no município. Todas as rotas municipais saem no terminal urbano localizado aos fundos da Estação Rodoviária, e atendem toda a zona urbana e os bairros rurais, além de Mailasqui, São João Novo e Canguera.

A cidade também conta com vários pontos de táxis localizados na área central e na Estação Rodoviária.

Já o transporte suburbano é operado por três empresas: Viação São Roque (para Mairinque, Alumínio e Ibiúna), Pontur Transportes e Turismo (para Sorocaba) e Expresso Regional (para Itapevi, Araçariguama,Pirapora do Bom Jesus, e Cotia). Todas as linhas operam em um terminal suburbano localizado ao lado da Estação Rodoviária.

Rodovias

O município é ligado à capital do estado por meio de duas rodovias, a Raposo Tavares SP-270 e a Castelo Branco SP-280. A primeira também liga São Roque a Sorocaba, o centro econômico regional mais importante da região. Existe uma ferrovia ligando São Roque a São Paulo e a Sorocaba: trata-se da antiga "linha sorocabana".

A ferrovia, contudo, hoje em dia, somente é usada para o transporte de carga, já que o transporte de passageiros foi extinto no ano de 1999, após a privatização da companhia proprietária da linha férrea, a companhia estadual FEPASA.[13] Assim, por meio de transporte coletivo, somente é possível chegar à cidade por meio de ônibus, o qual é operado por duas companhias. O trajeto da rodoviária de São Roque até a rodoviária da Barra Funda é percorrido de uma hora a quarenta a cinco minutos a duas horas, dependendo da fluência do trânsito nas Marginais do Tietê e Pinheiros

COMO CHEGAR

Localização

Macro Metropolitana Paulista

Limites

Mairinque, Itu, Araçariguama, Itapevi, Vargem Grande Paulista e Ibiúna.

Acesso Rodoviário

SP-280 - Rodovia Presidente Castelo Branco
SP-270 - Rodovia Raposo Tavares
SP-270/60 - Rodovia Quintino de Lima
SP-274 - Rodovia Engº Renê Benedito da Silva
SP-280/53 - Rodovia Prefeito Livio Tagliassachi

Distâncias

60 km da Capital

História

Fundada na segunda metade do século XVII pelo bandeirante Pedro Vaz de Barros - mais conhecido como Vaz-Guaçu - a cidade surgiu de uma enorme fazenda e uma capela por ele erigida no local. A capela - então erigida onde hoje é a Praça da Matriz - foi levantada em devoção a São Roque. A fazenda tinha por objeto o cultivo de vinhedos e de trigais, utilizando-se mão-de-obra índia e mais tarde, de escravos importados do continente africano. Pouco depois da criação dessa fazenda, o irmão de Pedro Vaz - Fernão Paes de Barros, também veio a se instalar em São Roque, nos mesmos moldes que seu irmão, fundando uma fazenda e uma capela, contudo em louvor a Santo Antonio.

A capela original a São Roque, bem como as igrejas barrocas que a sucederam no Largo da Matriz foram derrubadas e sucessivamente "modernizadas", assim como todo o entorno paisagístico do Largo da Matriz. Ao que consta, até a década de 1940, o Largo da Matriz era formado por um conjunto arquitetônico barroco, tendo a sua volta casarões.

Antes de ter sido elevado à condição de vila em 1832, o povoado foi declarado freguesia de Santana de Parnaíba, no ano de 1764.Em 1864, é elevado à categoria de município. Entre 1872 e 1875, é inaugurada a Santa Casa de Misericórdia e a estação ferroviária da Linha Férrea Sorocabana. No final do século XIX, tem sua economia impulsionada pela chegada de imigrantes italianos.

Em 08.04.1834, é criado o I Cartório de Protesto de Notas e Títulos. O fórum judicial é criado em 15.04.1873, com a instalação de dois ofícios judiciais. Um ano depois, é criado o primeiro Registro de Títulos de Imóveis. Em 01.01.1889, é instalado o Primeiro Ofício do Registro Civil das Pessoas Naturais. Em 1893, é instalado o II Cartório de Protesto de Notas e Títulos.

Ao que consta, essas melhorias foram levadas a cabo em função da influência político do Sr. Antônio Joaquim da Rosa, o Barão de Piratininga, importante personalidade sanroquense, e ao que consta, amigo pessoal do Imperador D. Pedro II.O Barão de Piratininga chegou, inclusive, a ser nomeado presidente da província de São Paulo no ano de 1869.

Em 1890, o industrial italiano Enrico Dell'Acqua funda a BRASITAL, uma das primeiras indústrias têxteis do Brasil, a qual funcionou até meados dos anos 1970. Hoje, faz parte do patrimônio público municipal, abrigando um centro cultural e educativo, bem como a biblioteca municipal.

A primeira tipografia da cidade é criada pelos irmãos Boccato, que passam a editar um semanário chamado "O Democrata". O jornal foi fundado em 1 de maio de 1917. O primeiro ginásio da cidade, a escola "Horácio Manley Lane" foi fundada em 1947.

Aniversário 16 de agosto

Fundação 1657 (352–353 anos)

Gentílico são-roquense

Administração

prefeito: DANIEL DE OLIVEIRA COSTA

Turismo

São Roque abriga a "Casa e a Capela do Sítio Santo Antonio", um bem cultural de relevância nacional, tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico Nacional IPHAN no ano de 1941. A casa-grande foi edificada no século XVII, no ano de 1681, pelo bandeirante Fernão Paes de Barros. Trata-se de conjunto arquitetônico de natureza singular, formado por uma casa-grande e uma capela feitas em taipas de pilão, sendo a mais antiga da região. Um dos primeiros a reconhecer seu valor arquitetônico e histórico foi o escritor modernista Mário de Andrade- cuja família doou o imóvel ao Patrimônio Histórico Nacional após sua morte, conforme desejo do escritor.[14]

Digna de ser visitada é a reserva ecológica conhecida localmente como "Mata da Câmara", um parque municipal no qual se pode admirar a vegetação natural da Mata Atlântica, com suas típicas orquídeas, bromélias, etc. A área faz parte do chamado "cinturão verde da Mata Atlântica", reconhecido como patrimônio natural da humanidade pela UNESCO.[15]

A cidade é, ao lado de Jundiaí, uma das poucas do estado de São Paulo que produzem vinho, pelo que é também conhecida. As vinícolas sanroquenses, contudo, não produzem a própria uva. Situadas próximas à zona urbana, distribuídas a partir do km 60 da Rodovia Raposo Tavares e pela Estrada do Vinho, elas costumam receber turistas aos fins-de-semana.

Curioso é que a cidade, apesar de estar situada entre os Trópicos de Câncer e o de Capricórnio, disponha de uma "estação de esqui". Trata-se de uma pista artificial - feita de plástico - situada em um parque privado.

HOTEIS

http://www.hotelinsite.com.br/procura/resultado.asp?cid=sao+roque&uf=sp

Fontes

http://pt.wikipedia.org/wiki/S%C3%A3o_Roque_%28S%C3%A3o_Paulo%29

http://www.ferias.tur.br/informacoes/9671/sao-roque-sp.html

http://www.saoroque.sp.gov.br/index.asp

 
MAIS SOBRE São Roque:
 
Deixe seu Comentário
 
 
COMETÁRIOS SOBRE São Roque:
 
05/11

quero conhecer o goes fiquei sabendo que la e lindo

Enviado por pamela de souza camargo às 04h15
19/11

CONHECER

Enviado por ENEDI às 10h35
 
Seções: A01 - Est. Turísticas | A02 - Est. Balneárias | A03 - Est. Climáticas | A04 - Est. Hidrominerais | C01 - Bauru | C02 - Campinas | C03 - Itapetininga | C04 - Mogi das Cruzes | C05 - Presidente Prudente | C06 - Ribeirão Preto | C07 - Santos | C08 - São Carlos | C09 - São José do Rio Preto | C10 - São José dos Campos | C12 - Sorocaba | C13 - Taubaté | D - MÚSICAS | E - BLOG DO JOÃO |
Portal: Inicial | Quem Somos | Como Anunciar | Fale Conosco | Enviar Email |

© Interior SP - Cidades. Todos os Direitos Reservados.

Desenvolvimento: UPWEB Internet Solutions