Busque sua Cidade
 
Inicial
 
Seções
A01 - Est. Turísticas
A02 - Est. Balneárias
A03 - Est. Climáticas
A04 - Est. Hidrominerais
C01 - Bauru
C02 - Campinas
C03 - Itapetininga
C04 - Mogi das Cruzes
C05 - Presidente Prudente
C06 - Ribeirão Preto
C07 - Santos
C08 - São Carlos
C09 - São José do Rio Preto
C10 - São José dos Campos
C12 - Sorocaba
C13 - Taubaté
D - MÚSICAS
E - BLOG DO JOÃO
 
Portal
Quem Somos
Como Anunciar
Fale Conosco
Enviar E-mail
 
Votorantim

Geografia

Localiza-se a uma latitude 23º32'48" sul e a uma longitude 47º26'16" oeste, estando a uma altitude de 570 metros. Sua população estimada em 2005 era de 105.446 habitantes. Votorantim situa-se a sudoeste do Estado. Distante a cem quilômetros da capital, ocupa uma área de 177 km², sendo 30 km² de área urbana e 147 km² de área rural.

Sua topografia é acidentada com relevo montanhoso, dotado de aclives, declives e vales. A altitude média circunda em torno de 557 metros. O município possui clima temperado tropical e a temperatura média anual é de 20º. Faz divisa com os municípios: Sorocaba, Piedade, Ibiúna, Salto de Pirapora e Alumínio. O principal rio que banha o município é o Rio Sorocaba sendo principais afluentes o Cubatão e o Ipaneminha. O município também engloba parte do Reservatório de Itupararanga, que também é uma Área de Proteção Ambiental - APA.

Hidrografia

A Represa de Itupararanga

Abastecendo Votorantim, Sorocaba e Região, além da Fabrica CBA em Alumínio, Itupararanga é uma grande represa situada em grande parte no município de Votorantim, também muito desfrutada de seus recursos para fins de lazer. Trata-se do mais importante manancial de água de excelente qualidade para a Região de Sorocaba, hoje está compreendida na Área de Proteção Ambiental (APA) de Itupararanga.

Correção: A Represa de Itupararanga não abastece a CBA. A Represa atende a CBA como usina hidrelétrica para geração de energia que corresponde a cerca de 2% do consumo total da Fábrica.

Geologia

A maior parte do município de Votorantim situa-se sobre rochas cristalinas de idade Neoproterozóica, principalmente granitos (Maciço de Sorocaba e Maciço de São Francisco, sobre este último situa-se a maior parte da área urbana do município e ambos maciços são atravessados pelo Rio Sorocaba).

Rochas metamórficas (filitos, metarenitos, metacalcários e quartzitos) constituem parte dos metassedimentos marinhos do Grupo São Roque. Sedimentos permo-carboníferos do Grupo Itararé (Bacia do Paraná)ocorrem em restritas áreas na porção noroeste do município.

Entre os recursos minerais destaca-se a exploração de calcário para cimento, em Santa Helena, onde situa-se a maior mina subterrânea de calcário da América Latina.

Rodovias

Votorantim encontra-se em um dos principais eixos industriais do estado, com importantes vias de acesso como as rodovias Castelo Branco (SP-280), Raposo Tavares (SP-270) e Santos Dumont (SP-79) que liga o município ao litoral sul do estado e rodovia João Lemes dos Santos (SP-264).

Datas históricas

Elevação a distrito: 18 de agosto de 1911

Instalação do distrito: 25 de fevereiro de 1912

Plebiscito, emancipação política do município: 8 de dezembro de 1963

Instalação do município: 27 de março de 1965

Aniversário do município: comemorado em 8 de dezembro.

Fundação do primeiro clube de futebol do Brasil: 1 de janeiro de 1900 - Sport Club Savoia/Votorantim

COMO CHEGAR

Localização

Sudoeste do Estado.

Limites

Sorocaba, Piedade, Ibiúna, Salto de Pirapora e Alumínio.

Acesso Rodoviário

Rodovias Castelo Branco (SP-280), Raposo Tavares (SP-270), João Lemes dos Santos (SP-264) e SP-79 que liga a cidade ao litoral sul do Estado.

Distâncias

100 km da Capital.

HISTÓRIA DA CIDADE

O início da exploração e povoamento de Votorantim aconteceu em meados do século XVII, quando Paschoal Moreira Cabral, primeiro habitante do município, parente de Baltazar Fernandes, fundador de Sorocaba, instalou-se no local conhecido como Itapeva (pedra chata), hoje sede da Fazenda de São Francisco, de propriedade do Grupo Votorantim, iniciando o período rural com a plantação de cana e instalação da primeira moenda, utilizando-se do trabalho de índios escravizados.
Em 1679, foi construída, no terreiro da casa grande, uma capela em homenagem a Nossa Senhora do Pópulo. Posteriormente essa capela foi enriquecida com a imagem de São Francisco, que deu nome à serra e à fazenda.
Na época, também, eram explorados o cultivo de produtos de sobrevivência e a pecuária.O número de habitantes era pequeno e o comércio rudimentar.
Por volta de 1750, numa sucessão de compras e vendas, a fazenda chegaria às mãos do Capitão Mor Manoel Fabiano de Madureira. Essa mesma fazenda, em 1890, seria vendida ao Banco União de São Paulo.
Conta-se que a cachoeira era de tal beleza, pelo volume de água e recantos naturais, que teria motivado a vinda do imperador D. Pedro II e da Imperatriz D. Tereza Cristina, para apreciar a região.
Os empreendimentos industriais implantados pelo Banco União no final do século XIX e pelo imigrante português Antonio Pereira Inácio, no início do século XX, deram novos impulsos ao local.
O primeiro empreendimento industrial implantado na região pelo Banco União de São Paulo em parceria com os ingleses, deu-se, em 1890, com escolha de uma antiga propriedade dos Madureira, que levava o nome de Cachoeira, para a construção da barragem das corredeiras do Rio Grande.
Dessa forma, foi montada e acionada a primeira usina. Nascia, assim, a chamada fase industrial com a instalação da Fábrica de Chitas, que começou a funcionar em 1.892, iniciando a migração que se fundiu com a imigração italiana em Votorantim. A fábrica foi construída em estilo inglês com tijolos aparentes, posteriormente conhecida como Fábrica Velha, que pode ser vista, ainda hoje, ao final da rua Bernardino de Campos.
O potencial hidrográfico e a topografia de Votorantim foram de notória importância para a consolidação de seu desenvolvimento, tendo em vista que favoreceram investimentos hidroelétricos, como a usina de Itupararanga, inaugurada em 1.914, considerada de grande porte para a época, cuja energia gerada seguia na totalidade para a cidade de São Paulo.
Outras usinas foram construídas, possibilitadas pela exuberância das cachoeiras, formadas na extensão do curso em declive do Rio Grande, como Ligth, Santa Helena, Votocel e Cachoeira da Chave, marcando a origem dos povoados que surgiram ao seu redor.
Em 1.940 ocorreu outra imigração, pela oferta de empregos na tecelagem da Fábrica de Chitas e na Fábrica de Cimento Votoran, já construída e em funcionamento.
Os imigrantes assentavam-se nos mesmos bairros, considerando que muitos formavam grupos ligados por parentesco. Legaram ao município seus costumes, seu folclore, a arte musical e, especialmente, contribuíram para o seu desenvolvimento.
No final da década de 50, a localidade contava, aproximadamente, com 15.000 habitantes, concentrados em bairros pioneiros como Rio Acima, Vila Albertina, Vossoroca e Itapeva.
A população, também se concentrava, nas vilas industriais, que se formaram acompanhando a trajetória do desenvolvimento industrial como Barra Funda, Chave, Santa Helena e Votocel.
Na década de 60, Sorocaba não mais administrava a contento o Distrito de Votorantim, agora com mais de 30 núcleos populacionais dispersos. Surgiram, então, as primeiras aspirações a favor da separação do Distrito de Votorantim, de Sorocaba. Aspirações essas, que se acentuaram e eclodiram em significativo movimento de luta pela emancipação política. Período de marcantes polêmicas criadas em torno de duas tendências: a do SIM, a favor do desmembramento, e a do NÃO, contra.
Realizado o plebiscito em 01 de dezembro de 1963, o SIM venceu por grande margem de votos, desmembrando Votorantim de Sorocaba.
A primeira eleição municipal realizada em Votorantim ocorreu em 07 de março de 1.965, confirmando a vitória do Sr. Pedro Augusto Rangel como primeiro prefeito de Votorantim.
A instalação do município ocorreu em 27 de março de 1965, marcando a posse de sua primeira administração autônoma.
A cidade comemora seu aniversário em 08 de dezembro, data consagrada à Nossa Senhora da Conceição e que encerra as atividades alusivas à Semana da Emancipação, sempre iniciada em 01 de dezembro.

Significado do Nome

A maior atração local era uma cachoeira denominada pelos indígenas de Botu-ra-ti/Boturantim, cujo étimo em tupi guarani significa Grande Espuma Branca/Cascata Branca, originando o nome Votorantim, atribuído ao vilarejo e posteriormente ao município.

Aniversário da Cidade: 08 de Dezembro.

Fundação: 1 de dezembro de 1963

Gentilico: votorantinense

Administração

Prefeito : ERINALDO ALVES DA SILVA

Economia

O setor industrial é a sua mais expressiva fonte de renda (tecidos, papel, papelão, celulose, cal, embalagem, equipamentos variados, inclusive eletrônicos e, de modo especial, o cimento Votoran).

Votorantim vive ainda do cultivo de variados produtos agrícolas, sobretudo hortifrutigranjeiros. Possui ainda gado de corte e leiteiro, aves e outros animais. O seu comércio apresenta-se expressivamente ativo e variado, atendendo satisfatoriamente as necessidades da população.

A capital do cimento

Votorantim é considerada nos dias atuais como a capital do cimento pois grande parte (quase toda) de sua economia vem diretamente da venda de cimento para muitos estados do Brasil.

Aqui vale um adendo: Realmente, o município já foi considerado a "Capital do Cimento", pois, no estado, era a que mais contribuía para a extração e beneficiamento desse produto até o século passado. Porém, com a exploração atingindo profundidades cada vez maiores, e, com isso, encarecendo a produção, o Grupo Votorantim decidiu transferir os trabalhos para outra área, no município de Salto de Pirapora, vizinho ao município de Votorantim, instalando a Fábrica de Cimento Santa Rita. Com isso, desde o final da década de 90 e início de 2000, o município assistiu à desativação gradativa do parque industrial da então "Fábrica de Cimento Votoran", no bairro de Santa Helena. Atualmente, apenas parte do setor administrativo ainda funciona no local e a exploração diminuiu sensivelmente, pois o custo - em grandes profundidades - é muito alto e inviabiliza os trabalhos.

Turismo

Barragem Santa Helena, situada na Vila Olímpia, a barragem capta o represamento das águas da Prainha e da Usina da Light. É responsável pela produção de energia para consumo industrial.

Cachoeira da Chave, local onde se originou o nome do município, Vuturaty que em tupi-guarani significa Cascata Branca. Localizada no bairro da Chave.

Cascata Votocel, conjunto de pequenos saltos de água situado no rio Sorocaba, entre a Cachoeira da Chave e a Represa do Votocel.

Creche Castelo dos Sonhos, a creche da entidade AVAM está sediada em um dos prédios mais antigos do município. De arquitetura no estilo inglês, foi construído pelo Grupo Votorantim no final do século XIX e servia de creche, onde as operárias deixavam seus filhos antes do início de cada jornada de trabalho.

Prainha Santa Helena, o local está situado na Vila Santa Helena, sob administração da fábrica de cimento. Conta com diversos atrativos para lazer e entretenimento.

Parque Ecológico do Matão, um parque com 70 mil metros quadrados que reúne um total de duzentos animais, na rua Ângelo Delapassi s/nº - Parque Bela Vista

Represa de Itupararanga, a barragem da represa e alguns clubes náuticos são muitos visitados nos finais de semana. A represa está situada no entorno de Votorantim e de outros municípios da região.

Cachoeira São Francisco, localizada na Vila da Light, a cachoeira é pouco visitada, sendo opção de lazer em especial, para as famílias do bairro operário.

Igreja Santa Helena, uma das igrejas mais antigas do município foi construída para atender fiéis das vilas operárias no entorno da fábrica Votoran. O prédio foi construído em substituição à igreja de Baltar, que fora demolida para dar lugar à extração de cimento. A igreja de Santa Helena leva o nome da filha do Comendador Pereira Ignácio, Helena, e, então, mulher de José Ermírio de Moraes.

Praça de Eventos "Lecy de Campos", Avenida 31 de Março, s/nº Centro (entrada do município). Capacidade para 45 mil pessoas (estimativa Polícia Militar) para sediar grandes festas populares, como Festa Junina e o Praçambar

Fontes:

http://www.votorantim.sp.gov.br/pmvoto/

http://www.ferias.tur.br/informacoes/9788/votorantim-sp.html

http://pt.wikipedia.org/wiki/Votorantim

 
MAIS SOBRE Votorantim:
 
Deixe seu Comentário
 
 
COMETÁRIOS SOBRE Votorantim:
 
10/01

A história da cidade se evoluiu nos meus 23 anos de residencia e sei que nesta gestão mais surpersas a favor da população irão acontecer

Enviado por J R Gouvea às 10h03
08/01

Além da cidade ser bem acolhedora é uma extraordinaria em serviços prestados a muitos trabalhadores, gosto muito de VOTORANTIM ;...

Enviado por Kittchnick às 17h21
06/10

Essa historia é muito interessante Eu gostei muito dessa historia

Enviado por karina às 20h43
 
Seções: A01 - Est. Turísticas | A02 - Est. Balneárias | A03 - Est. Climáticas | A04 - Est. Hidrominerais | C01 - Bauru | C02 - Campinas | C03 - Itapetininga | C04 - Mogi das Cruzes | C05 - Presidente Prudente | C06 - Ribeirão Preto | C07 - Santos | C08 - São Carlos | C09 - São José do Rio Preto | C10 - São José dos Campos | C12 - Sorocaba | C13 - Taubaté | D - MÚSICAS | E - BLOG DO JOÃO |
Portal: Inicial | Quem Somos | Como Anunciar | Fale Conosco | Enviar Email |

© Interior SP - Cidades. Todos os Direitos Reservados.

Desenvolvimento: UPWEB Internet Solutions