Busque sua Cidade
 
Inicial
 
Seções
A01 - Est. Turísticas
A02 - Est. Balneárias
A03 - Est. Climáticas
A04 - Est. Hidrominerais
C01 - Bauru
C02 - Campinas
C03 - Itapetininga
C04 - Mogi das Cruzes
C05 - Presidente Prudente
C06 - Ribeirão Preto
C07 - Santos
C08 - São Carlos
C09 - São José do Rio Preto
C10 - São José dos Campos
C12 - Sorocaba
C13 - Taubaté
D - MÚSICAS
E - BLOG DO JOÃO
 
Portal
Quem Somos
Como Anunciar
Fale Conosco
Enviar E-mail
 
Cruzeiro

Geografia

A localização geográfica do município é de certa forma privilegiada, dado que num raio de 200 km localizam-se cerca de 40 milhões de pessoas e grande parte do PIB brasileiro. Entretanto, o município padeceu por anos de falhas básicas de infraestrutura, o que limitou seu desenvolvimento econômico, como o acesso difícil à rodovia Presidente Dutra e limitações na oferta de água, telecomunicações e energia. Felizmente estes problemas estão praticamente solucionados, devido à reconstrução ocorrida nas linhas de transmissão em 230 kV que atendem à região, a construção de centrais hidrelétricas em municípios vizinhos e o conjunto de pontes de viadutos que vão finalmente interligar o município à rodovia Presidente Dutra, um trajeto de cerca de 10 km que deverá ficar pronto em 2010. O município possui boa oferta de água (com fontes cristalinas da serra da Mantiqueira) e está em vias de construir uma estação de tratamento de esgoto, bem como galerias pluviais para solucionar a questão das enchentes que assolam o município todo verão. Cruzeiro conta com torres de todas as operadoras de celular do Brasil, um canal de de TV comunitário e acesso a internet por rádio e sistema ADSL. O aterro sanitário do município foi considerado satisfatório pela CETESB e há no município oferta de gás natural, proveniente de City Gate no GASPAL. Entretanto, o município não possui aeroporto nem heliponto, e o terminal rodoviário é bastante insatisfatório. O mobiliário urbano está sendo aos poucos melhorado, bem como a sinalização das ruas. Todavia as chegadas das estradas na zona urbana evidenciam um cenário de um município por anos decadente e carente de soluções urbanísticas, tanto na funcionalidade quanto no aspecto paisagístico.

O município, situado aos pés da Serra da Mantiqueira possui uma altitude de 517 m, enquanto as montanhas ao norte apresentam elevações chegando a quase 2.800m. Assim na área próxima a rodovia Presidente Dutra o relevo predominante é o do mar de morros, com grandes e imponentes montanhas escarpadas na divisa com o estado de Minas Gerais. Nesta divisa encontra-se a Garganta do Embaú, ponto mais baixo para a travessia da Serra da Mantiqueira, visto a dezenas de quilômetros, através da Via Dutra.[carece de fontes]

Os municípios limítrofes são Lavrinhas a leste, Silveiras a sudeste, Cachoeira Paulista a sul, Piquete a sudoeste e Passa-Quatro eMarmelópolis ao norte.

Demografia

Dados do Censo - 2000

População total: 73.492

Urbana:71.179

Rural: 2.313

Homens:36.033

Mulheres: 39.459

Densidade demográfica (hab./km²): 241,27

Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 14,81

Expectativa de vida (anos): 71,79

Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 2,13

Taxa de alfabetização: 95,23%

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,809

IDH-M Renda (PIB): 0,733

IDH-M Longevidade: 0,780

IDH-M Educação: 0,914

Renda per Capta: R$ 314,28

(Fonte: IPEADATA)

Hidrografia

O município é cortado pelo rio Paraíba do Sul.

Rodovias

SP-52

SP-58

BR-116

Distâncias

Campos do Jordão - 101 km

Caxambu - 98 km

Rio de Janeiro - 213 km

São José dos Campos - 120 km

São Paulo - 210 km

História

Cruzeiro nasceu no século XIX, no decênio seguinte à guerra do Paraguai. Quando o Visconde de Mauá revolucionou a economia nacional, as duas maiores cidades do país, São Paulo e Rio de Janeiro, exigiram melhores vias de comunicação, porque as existentes eram rudimentares. E assim nasceu a Estrada de Ferro D. Pedro II e, com ela, a cidade de Cruzeiro. 
A cidade surgiu por sua situação geográfica propícia, situada na metade do caminho entre São Paulo e Rio de Janeiro. Já na segunda metade do século XVIII, o local era tão importante que já havia uma povoação com capela em território pertencente ao do atual município de Lorena. O povoado desenvolveu-se por conta do ouro das Minas Gerais e recebeu o nome de Embaúva por se localizar no cruzamento da estrada que ligava Pinheiros (atual Lavrinhas) a Lorena e a que seguia para Minas Gerais, onde havia uma embaúva. 
Pelo povoado, passava o comércio vindo das Gerais com destino ao litoral por meio do “caminho dos Guaiases”, atravessava por Guaratin guetá e Cunha, e chegava a Parati. Impulsionado por esse comércio, Embaúva evoluiu o suficiente para elevar-se à categoria de freguesia com o nome de Nossa Senhora da Conceição do Embaúva, em 19 de fevereiro de 1846.

Em 6 de março de 1871, foi criada a vila com a denominação Conceição do Cruzeiro. Em 1880, a vila possuía 11 mil habitantes, exportava cerca de 450 mil quilos de café de suas 55 fazendas e tinha 20 estabelecimentos comerciais, até ser absorvida por Cruzeiro, que nasceu e cresceu a partir de seu território. A cerca de oito quilômetros de Embaúva, situava-se a fazenda Boa Vista, em cujo pátio nasceu a cidade de Cruzeiro.

Em 30 de março de 1891, foi criado o distrito com o mesmo nome da estação ferroviária do município de Conceição do Cruzeiro. Pouco tempo depois, a população cresceu bastante e as casas foram sendo construídas no trecho entre a estação e Santa Cruz. Em 3 de junho de 1891, o distrito de Estação de Cruzeiro voltou à categoria de vila com o nome de Vila Novais, mas durou pouco tempo, sendo reconduzida à categoria de distrito com o nome de Estação do Cruzeiro em 18 de julho de 1892, incorporado ao município de Conceição do Cruzeiro, que hoje não existe mais.

Apenas em 2 de outubro de 1901, transferiu-se a sede do município de Cruzeiro, antigo Conceição do Cruzeiro, para o distrito de Estação do Cruzeiro, elevando-o à categoria de município com a mesma denominação.

Gentílico

Cruzeirense

Significado do Nome

Manoel Freitas Novaes, fundador de Cruzeiro, era um homem de grande influência política e por esse motivo conseguiu que fosse modificado o traçado da Estrada de Ferro D. Pedro II. A estrada deveria passar pelo trecho sinuoso do rio Paraíba, entre Lavrinhas e Cachoeira, mas, com sua influência, trouxe os trilhos para a margem esquerda do rio, proporcionando a oportunidade necessária para a criação da cidade de Cruzeiro, denominada primeiramente Estação do Cruzeiro, por existir no local um Santo Cruzeiro.

Fundação: 2 de outubro de 1901

Gentílico: cruzeirense

Administração


Prefeita: ANA KARIN DIAS DE ALMEIDA ANDRADE

 

Economia

Hoje, o município tem o seu foco econômico voltado para a área do comércio e da indústria metalúrgica. A antiga FNV (Fábrica Nacional de Vagões) atualmente Iochpe-Maxion com filial também na China é uma indústria multinacional de componentes ferroviários e produção de rodas e chassis.

Fonte

http://portal.cruzeiro.sp.gov.br/

http://pt.wikipedia.org/wiki/Cruzeiro_(São_Paulo)

http://www.ferias.tur.br/informacoes/9087/cruzeiro-sp.html

 

 

 
MAIS SOBRE Cruzeiro:
 
Deixe seu Comentário
 
 
COMETÁRIOS SOBRE Cruzeiro:
 
25/06

vocês tem o nome de Lavrinhas ?

 

SPCIDADES: "O início do atual município de Lavrinhas foi a povoação fundada por Manoel Neves da Cruz e Honório Fidélis do Espírito Santo, entre o rio Paraíba e a Serra da Mantiqueira, em 1828, que recebeu o nome de São Francisco de Paula dos Pinheiros."

Veja mais em:http://www.spcidades.com.br/cidade.asp?codigo=361

Enviado por Elisangela De Paula Rosa às 18h50
 
Seções: A01 - Est. Turísticas | A02 - Est. Balneárias | A03 - Est. Climáticas | A04 - Est. Hidrominerais | C01 - Bauru | C02 - Campinas | C03 - Itapetininga | C04 - Mogi das Cruzes | C05 - Presidente Prudente | C06 - Ribeirão Preto | C07 - Santos | C08 - São Carlos | C09 - São José do Rio Preto | C10 - São José dos Campos | C12 - Sorocaba | C13 - Taubaté | D - MÚSICAS | E - BLOG DO JOÃO |
Portal: Inicial | Quem Somos | Como Anunciar | Fale Conosco | Enviar Email |

© Interior SP - Cidades. Todos os Direitos Reservados.

Desenvolvimento: UPWEB Internet Solutions